Observatório do Clima lança plataforma contra desinformação ambiental

florestas
(Foto: Pixabay)

O Observatório do Clima (OC) lança o site Fakebook.eco, a primeira plataforma on-line de combate à desinformação ambiental no Brasil. A iniciativa vai esclarecer os principais mitos sobre o meio ambiente, verifica o discurso de autoridades públicas e notícias falsas que circulam pelas redes.

Fakebook.eco é uma iniciativa do Observatório do Clima e tem parcerias com os portais de notícias ambientais e científicas Infoamazônia, Direto da Ciência, Oeco, Projeto Colabora, além do blog O que Você Faria se Soubesse o que eu Sei?, do climatologista Alexandre Araújo Costa.

Ele é a junção de dois outros projetos: o Fakebook, produzido em conjunto pelo OC, o Greenpeace e o ClimaInfo em 2019, e o Agromitômetro, a iniciativa de checagem de informações ambientais do OC, existente desde 2018.

O site funciona como um repositório onde mitos comuns (as “falácias frequentes”) são desfeitos e fará verificações rápidas (“verificamos”) de declarações de autoridades ou fake news diversas sobre meio ambiente. O site contém ainda um canal pelo qual o público pode enviar notícias suspeitas para averiguação.

Em seu lançamento, Fakebook.eco traz um artigo exclusivo do físico Ricardo Galvão, eleito pela revista Nature uma das dez pessoas que fizeram a diferença para a ciência em 2019, em que apresenta as perspectivas para a Amazônia diante da operação do Exército de controle do desmate, iniciada em maio.