Porto Alegre, exemplo de cidade resiliente

O trabalho do Projeto 100 Cidades Resilientes é realizado a partir da ação integrada entre organizações de sociedade civil, universidade, lideranças comunitárias, empresários e gestores públicos. O programa prevê um planejamento capaz de sensibilizar, capacitar e fortalecer a cidade para enfrentar e mais rapidamente recuperar-se de tensões e choques, seja de natureza física, econômica ou social, de modo a minimizar seus impactos sobre pessoas, comunidades e patrimônio material.
Com duração de dois anos, o programa tem como objetivo principal a construção de um Plano de Resiliência para a cidade. No Brasil, Porto Alegre é uma das três cidades brasileiras que fazem parte do Projeto e a participação popular é um exemplo! Tem site e redes sociais –WWW.portoalegreresiliente.org  /  https://pt-br.facebook.com/portoalegreresiliente/   e https://www.instagram.com/resilienciapoa/

Os desafios para que Porto Alegre chegue aos seus 250 anos, em 2022, mais forte a partir de cinco objetivos estratégicos: cultuar a paz, prever riscos, ter uma economia dinâmica e inovadora, regularizar vilas e oferecer formas de mobilidade satisfatórias. Para cada um destes desafios, há, portanto, planos traçados

Economia dinâmica e inovadora 
Desafios prioritário: reduzir o tempo para abertura e fechamento de empresas e fortalecer o ecossistema de inovação da cidade.
Oportunidades:
— Projeto Simplificar: reduzir de 245 para 30 dias o tempo de abertura de uma empresa na cidade
— Revitalização do 4º Distrito, antiga área industrial da cidade

Mobilidade de qualidade
Desafio prioritário: definir o que é transporte de qualidade para o morador de Porto Alegre
Oportunidades:
— Atualização do Plano de Mobilidade Urbana de Porto Alegre
— Atualização do Plano Integrado de Transporte e Mobilidade Urbana da Região Metropolitana

Cultura da Paz
Desafios prioritários: reduzir desigualdades, promover saúde preventiva, construir seguraça cidadã e educar para a paz.
Oportunidades:
— Centros comunitários para convivência e ações integradas em saúde, segurança e educação
— Projeto Ícones da Paz, que identificará em casa região uma liderança comunitária que seja um ícone da cultura da paz

Terra Legal
Desafios prioritários: agregar os diferentes atores e agilizar os processos
Oportunidades: Ampliar a participação social nas tomadas de decisões, promovendo o conhecimento e a colaboração nos processos

Prevenção de riscos
Desafios prioriários: promover a redução de desastres, especialmente nas áreas de risco mais elevado da cidade
Oportunidade:
— Elaboração de Planos Regionais de Resiliência
— Execução de ações estruturantes de drenagem