Árabes desenvolvem técnica que transforma areia do deserto em terra fértil

(Foto: Reprodução/ BBC)

O cientista norueguês Kristian Morten Olesen desenvolve, desde 2005, a Liquid Nanoclay (nanoargila líquida, em inglês), uma técnica para acondicionar o solo do deserto, mesclando nanopartículas de argila com água e área. A iniciativa está em fase de teste em uma fazenda no Al Ain, um oásis no deserto dos Emirados Árabes Unidos.

Atualmente para plantar na região sai caro. Os agricultores precisam contratar navios tanque para levar água para irrigar as plantas, que precisam ser irrigadas três vezes mais por estar em um clima temperado.

Para mudar o atual processo de plantação, a nova técnica “recobre as partículas de areia com argila e muda completamente suas propriedades físicas, permitindo que a areia retenha água”, explica Olesen. O processo não usa nenhum agente químico.

“Podemos transformar os solos arenosos de baixa qualidade em terras agrícolas de alto rendimento em sete horas. Simplesmente misturamos argila natural na água que colocamos sobre a areia e criamos uma capa de meio metro no solo que converte a areia em terra fértil”, informou Ole Morten Olesen, filho de Kristian e diretor de operações da empresa Desert Control.

A técnica já reduziu o consumo de água em mais de 50% e o solo deve receber uma manutenção a cada quatro ou cinco anos.

** Com informações da BBC