Cientistas desenvolveram polímero que pode substituir o plástico

(Foto: Pixabay)

Cientistas da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, descobriram um polímero resistente, durável, leve e o melhor: similar ao plástico.

O polímero é composto por pequenas moléculas, que podem ser quimicamente recicladas, sem o uso de produtos tóxicos, e transformado em novos plásticas inúmeras vezes.

“Os polímeros podem ser quimicamente reciclados e reutilizados, em princípio, infinitamente”, disse o autor principal, Eugene Chen, professor do Departamento de Química da Universidade Estadual do Colorado.

(Foto: Bill Cotton/Colorado State University)

O composto pode ser usado na criação de plásticos, cerâmicas, borrachas, entre outros, e podem ser encontrados em materiais que vão em sacos de plástico até coletes à prova de bala.

O projeto, publicado na revista Science, foi baseado em um estudo de 2015. Entretanto para fazer esse material, era necessária condições extremamente frias e o produto final tinha baixa resistência ao calor. O novo polímero corrige todos esses problemas.

Apenas 5% do plástico no mundo é reciclado. A produção global deverá ultrapassar 500 milhões de toneladas métricas até 2050.

** Com informações da AFP