Campanha de operadora discute dependência do Smartphone

(Foto: Charlz Gutierrez/ Unsplash)

A VIVO aposta numa campanha publicitária para debater o uso em demasia do Smartphone.

Parece que ninguém pode ficar desconectado um minuto.  A empresa não faz isso porque é boazinha e está preocupada com a saúde de seus clientes. Faz porque as pesquisas mais recentes dão conta do aumento de acidentes no trânsito porque os motoristas estão teclando ou lendo mensagens (que poderiam ser lidas depois), falando ao celular sem atenção no que estão fazendo, porque tira a interatividade nas conversas no restaurante e até em família. Ninguém quer correr o risco de ter seu produto/serviço vinculado à problemas de saúde que terão que ser tratados com alguma restrição mais rigorosa de política pública, assim como os setores de fumo e bebida. Essa discussão é muito importante!

Por incrível que pareça, até em reuniões no meu escritório, a primeira pergunta do visitante é qual minha senha do WiFi!

A revista Veja em S.Paulo trouxe uma boa matéria mostrando que até pedido de divórcio é feito pelo aplicativo WhatsApp. E tem muita gente que se informa somente pelos posts do Facebook…

É claro que temos que usar a tecnologia para ajudar a ganhar tempo, a otimizar o trabalho, estudar e trazer o melhor do  mundo para mais gente. Só não pode fazer que se torne uma doença ou algo prejudicial à saúde física e mental: e – principalmente aos relacionamentos.