Chegou o verão, hora de redobrar os cuidados contra o Aedes aegypti

(Foto: Wikimedia Commons)

Ano novo, calor, férias, descanso, é bom aproveitar estes momentos não é mesmo? Mas essa paz de começo de ano pode ser interrompida pela dengue, o zika vírus e a febre chikungunya.

Estas doenças, que ainda não possuem cura, são transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti e adivinha qual a época favorita para ele se reproduzir? O verão! Por isso, é necessário parar um pouquinho o descanso e eliminar qualquer área em que o Aedes possa se reproduzir.

Confira abaixo os cuidados que você deve tomar e ensinar aos seus familiares, amigos e vizinhos para que todos entrem nessa luta:

– Elimine qualquer local que possa acumular água parada: o Aedes gosta de água limpa e parada para depositar os seus ovos, que se transformarão em lavas e, em 10 dias, em novos mosquitos. O Ministério da Saúde recomenda que sejam eliminados os pontos, pelo menos, uma vez por semana.

Para eliminar os pontos, deixe pneus e garrafas sempre virados de cabeça para baixo em um local seco e coberto e não seja possível o acúmulo de água.

Os pratinhos, que ficam embaixo dos vasos de plantas, também são um local que o mosquito gosta. Por isso, coloque areia nos pratinhos para evitar o acúmulo de água. Caixas d’água e piscinas sem tratamento de água com cloro devem ser fechadas.

– Mosquiteiro nos quartos ou telas protetoras: essas redes são boas opções para proteger quem está dormindo ou quem trabalha em locais abertos, durante o dia. O Aedes é um mosquito de hábitos diurnos, especialmente no início da manhã e no fim da tarde.

– Use repelente: Em áreas abertas, que tenham muitos mosquitos e possa ter um local favorável à proliferação, utilize repelente, principalmente nas pernas e pés. O Aedes prefere picar membros inferiores, como pés e tornozelos.

** Com informações do Ministério da Saúde