Número de mortes por dengue aumentou cinco vezes em 2019

(Foto: Wikimedia Commons)

O último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde revelou que a dengue provocou 689 mortes em todo o país entre janeiro e o dia 12 de outubro deste ano. O índice é 5,4 vezes maior do que o registrado no mesmo período de 2018.

Até outubro, foram registrados 1.489.457 casos de dengue em 2019, número 690% maior a 2018 e atinge 708 em cada 100 mil habitantes. 2019 já é o terceiro ano com o maior número de notificações, atrás apenas de 2015 e 2016.

A febre Chikungunya levou 123.407 pessoas aos hospitais, cerca de 58,7 casos a cada 100 mil habitantes, e causou 75 mortes.

No caso do zika vírus, o Ministério da Saúde divulgou os dados entre janeiro e 21 de setembro. No período, foram registrados 10.441 casos da doença e três óbitos.

O ministro da pasta, Luiz Henrique Mandetta, afirmou que o avanço da dengue está relacionado ao sorotipo 2 da doença, que atingiu principalmente o estado de São Paulo e há anos não circulava no Brasil. 

** Com informações da Agência Brasil