Sete tendências alimentares sustentáveis para 2019

(Foto: nensuria/ Freepik)

A consultora Ecovia Intelligence projeta as sete tendências alimentares sustentáveis para a indústria alimentícia em 2019:

  1. Alimentos orgânicos: a venda de alimentos orgânicos continuará crescendo, com expansão nos varejistas, como supermercados, e de marcas próprias.
  2. Alimentos à base de plantas: é esperado mais lançamentos de produtos vegetarianos e veganos em varejistas e o surgimento de comércios e restaurantes especializados no segmento.
  3. Redução de embalagens: A preocupação com a poluição plástica nos oceanos e em aterros sanitários está pressionando as empresas de alimentos a lidar com os impactos das suas embalagens e a consultoria prevê o surgimento de embalagens feitas com biopolímeros.
  4. Aquisições: Multinacionais deverão comprar empresas alimentícias sustentáveis, como a aquisição do The Vegetarian Butcher pela Unilever.
  5. Rótulos de sustentabilidade: A tendência de rotulagem ética continuará à medida que as taxas de adoção aumentem, a participação de mercado de commodities certificadas também aumentará e espera-se que mais empresas adotem comprar sustentáveis.
  6. Iniciativas éticas de varejo: adoção de corredores sem plástico e conceitos de desperdício zero por varejistas de alimentos naturais e orgânicos.
  7. Poder dos Millenials: Os millennials já são alguns dos mais ávidos compradores de produtos sustentáveis ​​e orgânicos, e eles exercerão mais influência à medida que seu poder aquisitivo aumentar.

** Com informações da Natural Products Global