Brasil entra na semana decisiva do contágio

Foto- twitter do Corpo de Bombeiros de S.Paulo

O domingo começou com missas e cultos pela internet ou tv, com muita oração para diminuir os impactos da Covid-19. Feiras livres e supermercados com poucas pessoas, muitos de máscara e luvas. Dezenas de mensagens nos grupos de whatsapp e telegram.

Amigos ao redor do mundo contam como se protegem, como estão enfrentando o isolamento social e estamos em casa acompanhando notícias do mundo. A Itália chora seus mortos. Os Estados Unidos se preparam para isolamento muito mais rígido.

O Brasil parou.

Essa semana é decisiva para diminuir o avanço do contágio. O importante é ficar em casa. Só devem circular as pessoas que precisam trabalhar nos hospitais, no varejo, nos serviços essenciais de logística aos transporte. É vital o brasileiro ser disciplinado para “achatar” a curva de contágio.

Ver os municípios preparar os hospitais de campanha, dá medo e mais responsabilidade.

A ordem é FICA EM CASA.  

Solidariedade

Empatia é a palavra da vez. É o ato de se colocar no lugar do outro. Muitos exemplos de solidariedade, de ação de compartilhamento, vizinhos se ajudando, telefonemas para aquele tio velhinho que não recebia um telefonema desde o último casamento ou enterro da família. 

Todos eventos estão sendos adiados, até casamentos programados há mais de um ano. O sentimento é de preservar a saúde da família e amigos. A festa só foi adiada.

O importante é homenagear agricultores, caminhoneiros que transportam alimentos, funcionários de supermercados, feirantes, policiais, bombeiros é principalmente todos os profissionais de saúde. 

Planeta Terra

Esse domingo foi comemorado o Dia Mundial da Água. Lembramos a absurda poluição de rios e mares, a falta de saneamento básico que evita doenças e preserva vidas. Acabou o discursos e estudos, depois da pandemia os planos precisarão sair do papel para virar agenda de política pública.

Agora todo mundo vai ter um olhar mais holístico, afinal estamos todos no mesmo planeta. 

Então Fica em Casa. Cuide-se.