Empresas se unem para combater Coronavírus

(Foto: Unsplash)

A pandemia do novo Coronavírus tem avançado rapidamente em todo o mundo, alerta a Organização Mundial da Saúde (OMS). A doença infectou mais de 300 mil casos registrados e matou mais de 16.500 pessoas no mundo, desde janeiro. No Brasil, foram confirmados 2.201 casos e 46 mortes, segundo último balanço do Ministério da Saúde. 

Com o avanço da contaminação, a demanda por álcool em gel e equipamentos de proteção segue aumentando nos últimos dias e já estão em falta. Um levantamento realizado pelo Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, mostra que as vendas de álcool em gel cresceram, entre 24 de fevereiro e 18 de março, 4764% em relação ao mesmo período de 2019 e o faturamento com o produto aumentou 4974%.

O volume de compras de Nebulizadores e Inaladores cresceu 553% e o faturamento, 900%. As vendas via e-commerce de Luvas Cirúrgicas tiveram aumento de 174% e o faturamento do item cresceu 119% no período.

Mais de 670 empresários e executivos assinaram uma carta escrita pelo CEO da Magnetis, Luciano Tavares, se comprometeram a tomar medidas possíveis para que a epidemia no Brasil seja contida. A iniciativa é inspirada no movimento #StopTheSpread.

Entre os compromissos firmados está a adoção de trabalho remoto, cancelamento de reuniões e eventos e manutenção dos pagamentos a trabalhadores autônomos ou aqueles que não podem fazer home office, mesmo que estes não possam trabalhar durante a crise atual.

Outras empresas nacionais e estrangeiras também anunciaram medidas e doações para ajudar no combate a doença:

Jalles Machado

O maior exportador de açúcar orgânico do mundo, Jalles Machado, é uma das usinas de açúcar e álcool de Goiás que fornecerão 100 mil litros de álcool líquido 70 para ajudar o governo estadual e as prefeituras no combate ao Coronavírus.

A Jalles Machado está trabalhando em três turnos e quase dobrou a produção de álcool, que está em 1.600 caixas de 12 frascos com 500 gramas por dia. Porém a usina não consegue produzir mais porque o álcool em gel depende de matéria-prima aprimorada: o carbopol.

Ambev

A Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) anunciou a produção e distribuição de 500 mil garrafas de álcool em gel em hospitais públicos de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. O álcool em gel será produzido na cervejaria da empresa em Piraí, no Rio de Janeiro, e disponibilizado em garrafas PET como as utilizadas para suas bebidas. Cada hospital receberá 5 mil unidades. 

Montadoras

A Ford Motor e a GE Healthcare anunciaram a expansão na produção de ventiladores para pacientes com insuficiência respiratória ou dificuldades para respirar e pneumonia em casos graves. 

A montadora também trabalha com a 3M para aumentar a capacidade de produção de sua máscara purificadora de ar para atender um pico na demanda causado por socorristas e profissionais de saúde.

Bioenergia

A Associação de Produtores de Bioenergia do Estado do Paraná (Alcopar) vai doar 200 mil litros de álcool hidratado para que sejam distribuídos pelo governo estadual a hospitais, creches e no atendimento à população mais necessitada. Cada uma das 19 unidades produtoras do Paraná está doando 10 mil litros de álcool cada.

Unilever

A Unilever Brasil anunciou a doação de R$ 1 milhão em produtos, o correspondente a 625 mil unidades de artigos de higiene e limpeza, às ações de combate.

Petrobrás

A Petrobras vai doar ao Sistema Único de Saúde (SUS) 600 mil testes para diagnóstico de Covid-19. Desse total, 400 mil serão entregues ao Ministério da Saúde e 200 mil à Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro.