Sete em cada dez pacientes graves com coronavírus são obesos

(Foto: Pixabay)

Quase dois terços dos pacientes graves que contraíram Coronavírus são obesos e a idade média das pessoas que sofrem os sintomas mais graves da doença é de 64 anos, revelou nova pesquisa da Agência Nacional de Saúde Inglesa (NHS).

O estudo analisou 194 pacientes internados em unidades de terapia intensiva (UTI) de hospitais do Reino Unido até a meia-noite da última quinta-feira (19). Esse número aumentou nos últimos quatro dias.

De acordo com os pesquisadores, a maioria dos pacientes eram homens (71%) e 9% dos pacientes tinham comorbidades graves, como doenças cardíacas subjacentes ou doenças pulmonares. Outras duas pacientes estavam grávidas nas últimas seis semanas.

Estudos recentes mostraram que as pessoas obesas têm maior probabilidade de sofrer complicações graves ou morrer de infecções, como a gripe.

A obesidade promove defeitos no sistema imunológico altera a quantidade de leucócitos e a resposta destas células a condições infecciosas. Isso faz com que o sistema imunológico dessas pessoas seja sobrecarregado por tentar proteger e reparar os danos que a inflamação causa nas células.

Os pesquisadores ainda apontam que o excesso de peso dificulta a expansão e a inalação do diafragma e dos pulmões. Sem o acesso a oxigênio, os órgãos começam a falhar.

Até agora, o surto de Coronavírus já matou 281 pessoas e infectou mais de 5.600 no Reino Unido. Especialistas acreditam que o número real de casos provavelmente será de quase 300 mil. Estima-se que para cada morte há cerca de 1 mil casos.

A nutricionista e parceria do Organics News Brasil, Lara Natacci, lançou um ebook gratuito com 10 passos para você começar a fortalecer o seu organismo. Para fazer o download do ebook Alimentando Sua Imunidade, clique aqui.

O Organics News Brasil também possui um ebook com 20 receitas com ingredientes orgânicos e naturais. Clique aqui para fazer o download.