Painel solar no teto dos carros elétricos

(Foto: Divulgação)

Olá companheiros da sustentabilidade. Hoje temos um cardápio solar com muita variedade. Acompanhe e boa leitura!

O CEO da Panasonic, Shingo Okamoto, acredita que “os tetos dos carros têm um grande potencial para serem o novo nicho de mercado dos painéis solares”. Em parceria com a Toyota, lançou recentemente o tejadilho solar no híbrido Toyota Prius Prime no mercado japonês!

A Nissan tem na versão elétrica do Leaf um pequeno painel solar, desenvolvido para pequenos acessórios, como o ar condicionado.

Engenheiros da Toyota abandonaram a ideia uma vez, mas parece que a Panasonic jogou luz no projeto novamente. Estima-se que consiga acumular energia suficiente para aumentar a autonomia do carro elétrico em até 6 km. A desvantagem ainda é o custo, equação a ser operacionalizada.

Carro elétrico não deve ser movido apenas a bateria, diz ministro de Minas e Energia

O ministro Bento Albuquerque, participou do seminário “O Futuro da Matriz Veicular no Brasil, e propôs que o carro elétrico seja movido também a etanol ou gás natural, ou seja, Flex. Segundo ele, embora a tecnologia de eletrificação das plataformas veiculares pareça um caminho sem volta, a modernização baseada simplesmente em baterias não deve ser considerado a única trajetória.

Kia revela imagem do seu novo carro totalmente elétrico

Conceito de carro elétrico da Kia no Salão de Genebra
(Foto: Divulgação)

Projetado no centro de design em Frankfurt, o novo veículo elétrico apresenta um conceito com “autonomia, desempenho, redes de carregamento e dinamismo de condução, mas que também tenha a capacidade de provocar arrepios quando olhamos para ele ou quando o conduzimos”, explicou Gregory Guillaume, vice-presidente de design da Kia Motors da Europa. A apresentação está marcada para 5 de março no Salão de Genebra.

Fonte: Autoportal

Citroën Ami One Concept: o mini já para 2019

O veículo conceito pode atingir uma velocidade máxima de 45 km/h (28 mph) e tem um alcance de 100 km. Tem 2,5 m de comprimento e 1,5 m de altura e largura e pesa 425 kg. Segundo a Citroën, o veículo seguirá “como uma alternativa ao transporte público e outros meios de transporte individuais de duas rodas, como bicicletas, scooters e patinetes”.

PLUGADOS E HÍBRIDOS

√  UFSC lança campanha para manter o projeto do Ônibus elétrico 
√ General Motors vai de bike elétricas só Europa, enquanto ameaça sair do Brasil
√ Meta de redução de CO2 na UE deve acelerar mercado de carros verdes

Nos conectamos semana que vem! Até e compartilhe.