Sua alimentação no Carnaval

(Foto: Freepik)

No Carnaval alguns cuidados extras devem ser tomados: a alimentação deve ser leve para evitar transtornos intestinais, deve-se ingerir muitos líquidos (de preferência água ou sucos).  No caso de consumo de bebidas alcoólicas, é importante não estar de estômago vazio , e também alternar  com a ingestão de bebidas não alcoólicas (por exemplo, tomar uma dose de whisky e logo depois um copo grande de suco ou água).  Isso mantém a hidratação e diminui o volume de ingestão da bebida alcoólica.

Só beber e não comer pode ser muito ruim, por causa das consequências do consumo da bebida alcoólica no organismo, sobretudo no fígado e sistema nervoso central. Além disso, as bebidas alcoólicas são ricas em calorias e pobres em nutrientes, causando uma “falsa” sensação de saciedade.

Que tal dar uma olhada na recomendação do Ministério da Saúde: 1 dose para mulheres e 2 para homens, alternando com muita água, sem o estômago vazio!

Um bom exemplo de alimentação antes da folia seria uma refeição leve rica em carboidratos, complexos e moderada em gorduras. Uma massa integral não muito cheia de molhos gordurosos seria uma alternativa: por exemplo, macarrão integral com molho de tomates frescos. Frutas também  são ricas em carboidratos e fibras, alem de água, e podem ate ser consumidas durante a festa. A água é muito importante para evitar a desidratação, pois transpiramos muito nestes casos.

Para não ter muito trabalho na elaboração das refeições, alem das massas, que são fáceis de fazer, pode-se optar pelos sanduíches, lembrando de incluir sempre uma folha de vegetal (fazendo um tipo de sanduíche natural). Um bom exemplo seria: pão integral, queijo ou requeijão magros, folhas de alface e tomate e cenoura ralada. Para beber, um copo de suco de frutas.

Dentre os alimentos prontos, os biscoitos integrais, gelatina, barra de cereais e iogurtes magros são indicados.

Deve-se evitar os alimentos ricos em gorduras, com molhos gordurosos (molhos brancos, por exemplo), carnes gordas (carne de porco, feijoada), pois possuem digestão lenta e podem causar desconfortos intestinais. O excesso de sal também deve ser evitado para não causar retenção de líquidos.

Tabelas de calorias de bebidas alcoólicas

BEBIDAS

QUANTIDADE

CALORIAS

Aguardente

½ copo (100 ml)

231

Batidas

½ copo (100 ml)

252

Cerveja

1 lata (350 ml)

147

Cerveja

1 copo (250 ml)

101

Champanhe

1 taça  (100 ml)

83

Chopp1 copo (300 ml)

135

Cidra

½ copo (100 ml)

50

Conhaque

1 dose (150 ml)

125

Daiquiri

½ copo (100 ml)

116

Gim

1 dose (30 ml)

60

Kir (vinho c/ licor de cassis)

1 copo (240 ml)

80

Licor de jenipapo

1 cálice (20 ml)

90

Licores

1 cálice (20 ml)

69

Meia de seda

1 copo (240 ml)

140

Ponche

1 copo (200 ml)

100

Rum

1 dose (50 ml)

110

Saquê

1 cálice (30 ml)

41

Vermute doce

1 cálice (35 ml)

50

Vermute seco

1 cálice (40 ml)

50

Vinho branco dose

1 taça (100 ml)

142

Vinho branco seco

1 taça (100 ml)

85

Vinho moscatel

1 taça (100 ml)

137

Vinho rose

1 taça (100 ml)

74

Vinho tinto

1 taça (100 ml)

65

Vodca

1 cálice (30 ml)

72

Whisky

1 dose (100 ml )

240