FILHO DE BILIONÁRIO BANCA HIDRELÉTRICA PARA SALVAR GORILAS

(Foto: Reprodução/ Getty Images/ Exame.com)

O filantropo americano Howard Buffett, filho do bilionário investidor Warren, financia uma PCH – pequena hidrelétrica, que poderá em breve abastecer Goma, uma cidade próxima das montanhas arborizadas da República Democrática do Congo. Ele é um dos que apostam apostam que hidrelétricas podem salvar o parque nacional mais antigo da África, proteger os gorilas da montanha e levar desenvolvimento  e estabilidade para uma região pobre e violenta.

Em 2010, Emmanuel de Merode, diretor do Parque Nacional Virunga, realizou uma pesquisa que concluiu que o parque poderia gerar mais de 100 megawatts de energia. Trata-se de um volume 25 vezes maior de energia do que a capital regional, Goma, com 1,5 milhão de habitantes, recebe atualmente, diz ele.

Desde então, as autoridades do parque apoiaram o desenvolvimento de uma microusina de 0,4 megawatt em Mtwanga e uma instalação de 14 megawatts, a um custo de US$ 19,7 milhões, em Matebe. A primeira abastece uma fábrica de sabão que gera 400 empregos. A segunda, financiada pelo “O Virunga é um daqueles parques que não pode ser protegido pelos ambientalistas”, disse De Merode, em entrevista em seu escritório em março.

A reserva de 7.800 quilômetros quadrados, tema de um documentário de 2014 nomeado ao Oscar intitulado Virunga, foi fundada em 1925 e abriga alguns dos últimos 700 gorilas de montanha do mundo.Ela também fica em uma região densamente povoada deste vasto país com 75 milhões de habitantes, onde as oportunidades econômicas são escassas e cada centímetro de terra fértil é cobiçado. O exército do Congo combate dezenas de milícias locais e estrangeiras que operam na região há duas décadas.

A reserva de 486.000 hectares de terra fértil e explorável do parque para conservação custa à população local mais de US$ 1 bilhão em receita agrícola perdida, segundo estimativas da equipe de gestão do parque.

De Merode disse que, além da hidrelétrica e de setores agrícolas associados, o turismo também pode impulsionar o desenvolvimento. A receita com o turismo chegou a US$ 1,7 milhão no ano passado, contra US$ 500.000 em 2014, e deverá aumentar em pelo menos 50 por cento neste ano, disse ele.

Com informações da Revista Exame

 

Alta Tensão

 

ONS reduz projeção de chuvas em hidrelétricas do Sudeste; veja queda na carga em abril

A projeção caiu para 77% da média histórica, ante 84% da semana passada. As previsões de carga de energia no sistema brasileiro em abril também apontam redução de 1,4% em relação ao ano passado.

 

Usinas solares pedem à Aneel para adiar entrega de energia em 2 anos

O pedido apresentado à Aneel é de um adiamento por dois anos na data de entrada em operação e consequente elevação em dois anos no prazo de concessão dos empreendimentos. As empresas alegam a explosão no custo do dólar e a falta de cadeia produtiva local de placas solares, que dificulta a aquisição de equipamentos.

Detalhes no Jornal O Globo

 

Usinas Hidrelétricas do rio Paranapanema recebem visitantes

O Programa de Visitas da Duke Energy recebe grupos de até 50 pessoas, em todas as suas oito usinas no rio Paranapanema: Jurumirim, Chavantes, Salto Grande, Canoas I e II, Capivara, Taquaruçu e Rosana.

Veja mais aqui

 

Energia elétrica faz IPCA de março ficar em 0,43%

O item teve queda de 3,41%, gerando o maior impacto para baixo, de 0,13 ponto percentual. O motivo é a adoção da bandeira amarela no lugar da vermelha.