Governo autoriza instalação de 25 usinas geradoras de energia limpa

(Foto: Pixabay)

As usina elétrica irão funcionar no Ceará, na Bahia, Minas Gerais e Mato Grosso. A previsão é que, a partir de 2021, 883 megawatts (MW) de potência sejam acrescidos ao Sistema Integrado Nacional. Outras 14 são solar, oito eólicas, duas hidrelétricas e uma termelétrica de biomassa (bagaço de cana).

O Ministério de Minas e Energia informa que os investimentos somarão R$ 4,5 bilhões e deverão gerar  4.040 empregos diretos.

O Ceará lidera com 14 usinas solares, nos municípios de Limoeiro do Norte e Caucaia, com previsão de R$ 2 bilhões em investimentos.

Na Bahia serão aplicados R$ 630 milhões para colocar em funcionamento eólicas no município de Campo Formoso. Minas Gerais prevê a construção de mais quatro usinas solares em Francisco Sá e Jaíba, uma termelétrica em Frutal e uma hidrelétrica em Chalé, com investimentos estimados em 535 milhões. Por fim, uma Central de Geração Hidrelétrica (CGH) será instalada em Buritizal, no Mato Grosso, ao custo de R$ 51,2 milhões.

 

ALTA TENSÃO

Geração de energia eólica já cresceu 17,8% em 2018

Segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), os insumos para a produção de eletricidade somaram 4.470 megawatts (MW) médios entregues entre janeiro e julho, frente aos 3.793,9 MW médios gerados no mesmo período de 2017. Já a hidrelétrica foi responsável por 74,5% do total e as usinas térmicas responderam por 18,1%”, diz o boletim.

São 520 usinas eólicas em operação, com capacidade instalada de 13.240,10 MW.  O Rio Grande do Norte se mantém como maior produtor de energia eólica no Brasil, com 1.244,8 MW médios, seguido por Bahia com 1.094,8 MW, o Piauí com 576,9 MW, Rio Grande do Sul com 569,9 MW e Ceará, com 553,4 MW médios.

Orçamento do Luz para Todos em 2019 será de R$ 1,07 bilhão

O valor, publicado no Diário Oficial da União, é 8% menor do que o investido em 2018, quando o governo destinou R$ 1,16 bilhão para o programa. O orçamento será utilizado para realizar 95.540 ligações, em 17 estados.

Sony promete usar 100% de energia renovável até 2040

A gigante de tecnologia japonesa confirmou que pretende usar 100% de energia renovável para impulsionar suas operações globais até 2040. O projeto RE100 já integra mais de 140 empresas em todo o mundo, as quais se comprometeram a atingir o mesmo objetivo.

Maior estacionamento com cobertura fotovoltaica no mundo, na China

A Risen Energy anunciou que o maior estacionamento para carros começou a ser construído na Baía de Hangzhou. O projeto cobre uma área de cerca de 20 campos de futebol, espaço que abriga mais de 20 mil automóveis e terá capacidade para gerar 55MW de energia ao ano.

Com boas energias, comente nossos temas e proponha ideias.