Mais de 20 países devem ratificar Acordo de Paris nesta semana

(Foto: François Guillot/ AFP Photo)

Na próxima quarta-feira (21), líderes mundiais se reunirão em um encontro convocado pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, para acelerar o processo de restringir as emissões de gases de efeito estufa.

No encontro, os chefes de estado estão convidados a depositar seus documentos de ratificação ou adesão ao Acordo de Paris. O secretário-geral da ONU estima que mais de 20 países ratifiquem o tratado durante o evento, somando-se aos 27 que já colocaram em vigor o tratado, incluindo o Brasil.

“Quando começamos a ver os países que estão se unindo… ao acordo e os países que irão se comprometer a se unir antes do final do ano, ficamos absolutamente certos de que teremos o Acordo de Paris contra a mudança climática entrando em vigor até o final de 2016”, disse David Nabarro, conselheiro especial de Ban Ki-moon para a Agenda de Desenvolvimento Sustentável 2030.

O Acordo de Paris é um tratado internacional que visa estabelecer metas para conter a emissão de gases de efeito estufa e impedir que a temperatura média do planeta ultrapasse 2ºC, em relação aos níveis pré-industriais, a limitando em 1,5ºC. Apesar de ter sido assinado por 195 países, para que o Acordo entre em vigor, é necessário que pelo menos 55 nações responsáveis por, no mínimo, 55% das emissões, ratifiquem o texto.

** Com informações do G1