Governo britânico ratifica Acordo de Paris

Secretário de Relações Exteriores, Boris Johnson, assinou o documento (Foto: Reprodução/ BBC)

Nesta quinta-feira, 17 de novembro, o governo britânico ratificou o Acordo de Paris, primeiro tratado no mundo que luta contra as mudanças climáticas. O documento não recebeu objeções do parlamento e será depositado na ONU amanhã.

O ministro para a mudança climática internacional, Barry Gardiner, disse em entrevista a BBC News que “este é um forte sinal do compromisso do Reino Unido para a cooperação internacional sobre as alterações climáticas e é ainda mais importante após a eleição dos EUA”.

A vitória de Donald Trump na eleição para presidente dos Estados Unidos repercutiu na COP 22 e preocupa outros países que já ratificaram o tratado. Durante sua campanha política, o presidente-eleito afirmou que não acredita em aquecimento global e que, se vencesse a eleição, uma das suas medidas seria romper com o Acordo de Paris.

Um porta-voz do governo britânico disse à BBC no início desta semana que a mudança no poder dos Estados Unidos não vai desviar o Reino Unido dos seus objetivos climáticos.

Para Gardiner, este é o momento do governo britânico mostrar o seu compromisso através do combate ao clima, apesar de enfrentar um “déficit de 47% para atender a meta climática até 2030”.

Fonte: BBC News