Instituto lança cartilha sobre defensivos naturais para agricultura orgânica

agricultura
(Foto: Jan Kopriva/ Unsplash)

O Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) disponibilizou a cartilha Defensivos naturais: manejo alternativo para pragas e doenças. A iniciativa pretende ajudar na capacitação dos agricultores para incrementar a produção de alimentos mais saudáveis em sistemas mais sustentáveis.

Elaborada a partir das Oficinas de Capacitação em Agricultura Orgânica para Produtores Familiares, a cartilha traz informações sobre o que são os defensivos agrícolas, os biofertilizantes e receitas de biofertilizantes, nas quais são usados materiais disponíveis na propriedade e muitas vezes desperdiçados ou mal utilizados, como esterco bovino, folhas verdes de ingá, embaúba, urucum e cinzas.

A cartilha traz receitas para controle de pragas e doenças, como usar o macerado de samambaia no controle de cochonilhas e preparado de babosa para pulverizar em pulgões, pragas que atacam a couve e outras hortaliças.

Na publicação, também é destacada a proteção de hortas orgânicas, com dicas de plantas repelentes ou atrativas a serem plantadas próximas ou ao redor do cultivo e que atuarão como barreiras contra pragas e doenças.

A expectativa é que com o uso da cartilha, os agricultores do Amazonas diminuam o uso de agrotóxico nos seus cultivos. A publicação será impressa e distribuída para os agricultores por meio dos 62 escritórios do IDAM.

Três cartilhas publicadas compõem essa série: Princípios agroecológicos para o manejo ecológico do solo e a saúde das áreas produtivas, Compostagem, e Defensivos naturais.

Para acessar a cartilha Defensivos naturais: manejo alternativo para pragas e doenças, clique aqui