Democratas criam plano de US$400 bilhões/ano contra mudança climática

(Foto: Unsplash)

Os democratas do Senado dos Estados Unidos divulgaram um plano de US$400 bilhões por ano para enfrentar a mudança climática e eliminar as emissões de gases de efeito estufa até 2050.

O Relatório do Comitê Especial dos Democratas para a Crise Climática prevê criar 10 milhões de empregos em diversas áreas, como manufatura de energia limpa e pesquisa, desenvolvimento de novas tecnologias, e a reforma das leis de lobby para reduzir a influência de indústrias poluentes.

O plano é o mais recente de uma série de projetos dos democratas para combater o aquecimento global. Segundo o líder democrata do Senado, Chuck Schumer, a legislação climática será uma prioridade.

O projeto não deve entrar em tramitação por enquanto, com os republicanos sendo maioria no Senado. A expectativa é que os democratas consigam ser maioria no parlamento após as eleições de novembro.

O governo Trump minimizou os riscos das mudanças climáticas e cortou os regulamentos sobre as indústrias de combustíveis fósseis.

Para alguns grupos ambientalistas, o relatório do Comitê Especial dos Democratas para a Crise Climática não foi longe o suficiente e pediu a eliminação dos subsídios para as empresas de petróleo e gás.