Relator do PL do Veneno Luiz Nishimori é dono de empresas de agrotóxicos

(Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados)

O relator do projeto de lei, que flexibiliza as regras para o uso e comercialização de agrotóxicos, o deputado Luiz Nishimori é dono das empresas Mariagro Agricultura e Nishimori Agricultura, que comercializam e prestam serviços com sementes, fertilizantes e “defensivos fitossanitários”, revela reportagem do UOL.

A Mariagro Agricultura vendeu um volume de agrotóxicos tão grande que bateu a meta de vendas estipulada pela multinacional Syngenta, que fabrica defensivos.

Procurado pela reportagem UOL, Nishimori informou que a empresa teve de entrar na Justiça para receber o prêmio em dinheiro e a abertura do processo indica sua isenção a grandes indústrias de agrotóxico.

Ambas as empresas estão em nome de familiares de Nishimori, de modo a não serem vinculadas diretamente a ele, e não estão listadas na declaração de bens exigida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Além disso, constam na lista de estabelecimentos que se inscreveram para receber permissão para o comércio de agrotóxicos produzida pela Agência de Defesa Agropecuária do Paraná, de 2014.

O deputado informou que suas empresas pararam de vender agrotóxicos “há muito tempo, uns 20, 30 anos”. Quando questionado pelo Congresso em Foco sobre a presença na lista de vendedores de agrotóxicos de 2014, há quatro anos, o deputado desconversou e quis encerrar a entrevista.

Clique aqui para ler a reportagem na íntegra.