Governo de SP reconhece gravidade da falta d´água

Portaria publicada no Diário Oficial do Estado, o governador Geraldo Alckmin reconhece a crise hídrica na Grande São Paulo, ação cobrada por promotores e entidades civis desde o ano passado com a estiagem no Sistema Cantareira.

A portaria foi publicada no Diário Oficial pelo superintendente do Departamento de Águas e Energia Elétrica de São Paulo (DAEE), Ricardo Borsari, responsável pela gestão dos recursos hídricos no Estado: “declara em situação de criticidade hídrica a região da bacia hidrográfica do Alto Tietê. Ações de caráter especial deverão ser adotadas visando a assegurar a disponibilidade hídrica de modo seguro e eficiente”.

O Sistema Alto Tietê, que atende 4,5 milhões de pessoas, atravessa o mês mais seco da história e contabiliza apenas 15,6% da capacidade.

A declaração oficial de criticidade hídrica abre margem para a suspensão da captação de água por indústria e agricultura.