Governo pede moratória da soja para o Cerrado

(Foto: Divulgação/ Abiove)

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, propôs que a moratória da soja seja expandida para o Cerrado, onde o plantio da provoca o desmatamento na região. A proposta foi feita durante comemoração de 10 anos da moratória, evento promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Óleos Vegetais (Abiove).

Trata-se de um pacto de desmatamento zero: a indústria se compromete a não comercializar nem financiar o cultivo de soja produzido em áreas que foram desmatadas após a assinatura da moratória. Essa não comercialização desestimulou a derrubada de florestas na Amazônia e é um dos fatores que contribuiu para a diminuição do desmatamento na região.

Estimativas já apontam uma perda de mais de 45% da cobertura vegetal na região. “Hoje o desmatamento é muito maior no Cerrado que na Amazônia”, afirmou Sarney Filho, ministro do Meio Ambiente.