Projeto Tamar comemora 35 milhões de tartarugas protegidas

(Foto: Arquivo - Projeto Tamar)

Reconhecido internacionalmente como uma das mais bem-sucedidas iniciativas de conservação marinha do mundo, o Projeto Tamar celebra 35 milhões de filhotes de tartarugas marinhas soltas no litoral brasileiro.

“Além de sua valiosa contribuição ambiental, o projeto envolve as comunidades em locais onde atuamos, possui ações de sensibilização e educação ambiental e tem sinergia com o nosso negócio por trabalhar com espécies e ambientes costeiros e marinhos,  áreas onde se concentra a maior parte da operação offshore”, afirma a gerente executiva de Responsabilidade Social, Beatriz Espinosa.

As tartarugas são animais de ciclo de vida longo, que levam de 20 a 30 anos para se reproduzir. Anualmente, cerca de 5 mil tartarugas já adultas ou sub adultas são recuperadas em áreas de alimentação e desova. Acidentes com redes de pesca e anzóis, atropelamentos, o trânsito de veículos nas praias e plástico são fatores de risco para as tartarugas. De cada 1.000 filhotes que nascem, apenas um ou dois sobrevivem no ciclo natural dos ecossistemas marinhos.