Gisele Bündchen será correspondente do National Geographic para cobrir o desmatamento no Brasil

(Foto: Reprodução/ Instagram)

A übermodel Gisele Bündchen anunciou que participará como correspondente e investigará os impactos das alterações do clima a partir do desmatamento no Brasil, para a segunda temporada da série “Years of Living Dangerously”, do canal National Geographic,.

“Estou muito empolgada em participar da segunda temporada do “Years of Living Dangerously” como correspondente, investigando o desmatamento e as mudanças climáticas no meu lindo país”, afirmou a modelo em seu perfil no Instagram.

Com previsão para estrear no final deste ano, a série tem como objetivo alertar sobre os impactos das mudanças climáticas na vida das pessoas ao redor do mundo. Na primeira temporada transmitida no ano passado, atores como Jessica Alba, Ian Somehalder e Harrison Ford, mostraram como as pessoas estão lidando com os efeitos – muitas vezes devastadores – da mudança no clima.

Esta não é a primeira vez que Bündchen se engaja em questões ambientais. Em 2008, criou o projeto Água Limpa em sua cidade natal, Horizontina (RS), para proteger a vegetação da região e preservar as águas; é Embaixadora da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) desde 2009.

Além disso, já participou de programas importantes, como o “Y Ikatu Xingu”, do Instituto Sócio Ambiental (ISA), em defesa da bacia hidrográfica do Rio Xingu, e o “Nascentes do Brasil”, da WWF. E recentemente, participou da campanha contra o comércio ilegal de animais silvestres.

Para saber mais sobre a iniciativa, acesse: http://yearsoflivingdangerously.com/

Assista abaixo o primeiro episódio da série: