BNDES e BRICS investem em parques eólicos no Brasil

(Foto: Pixabay)

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o New Development Bank (NDB), conhecido como ‘Banco dos BRICS” desembolsaram a primeira parte do financiamento conjunto, no valor de US$67,3 milhões, para apoiar seis parques de energia eólica no Piauí e em Pernambuco.

A quantia será destinada ao Complexo Eólico Araripe 3, do Grupo Casa dos Ventos, nos municípios de Simões e Currais Novos (PI) e Araripina (PE). Ao todo, o complexo terá capacidade instalada de 358 megawatts, por meio de 156 turbinas geradoras de energia.

O financiamento faz parte de um acordo assinado pelos dois bancos há um ano, que prevê US$300 milhões para apoiar investimentos na geração de energia eólica, solar, hidrelétrica e a partir de biomassa (biogás e resíduos agrícolas).

A cooperação viabilizará a adição de 600 Megawatts (MW) a geração brasileira, ampliar as fontes de recursos e promover linhas de financiamento para o setor de energias alternativas.

Atualmente, mais de 60% da matriz energética do Brasil é fonte hidrelétrica, que tende a ficar cada vez ais exposta aos efeitos da seca e da mudança climática.

** Com informações do Estadão Conteúdo