França e Luxemburgo prometem ajudar na proteção do Xingu

(Foto: Emmanuel Dunand/ AFP)

O governo de Luxemburgo anunciou a doação de 100 mil euros, cerca de R$456.620,00, para proteger a Floresta Amazônica e a Reserva do Xingu.

O valor será disponibilizado através de um fundo gerido pelo Ministério do Ambiente, Desenvolvimento Climático e Sustentável de Luxemburgo.

A contribuição foi divulgada durante a visita do líder indígena Raoni, que está viajando pela Europa para alertar sobre o desmatamento na Amazônia e está tentando arrecadar 1 milhão de euros para proteger a Reserva, ameaçada pela silvicultura e madeireiros.

Os fundos devem ser usados para sinalizar melhor os limites da reserva do Xingu, comprar drones e equipamentos para vigiar a região e protegê-la contra incêndios.

Em Paris, Raoni foi recebido pelo presidente Emmanuel Macron, que prometeu ajudar o cacique como parte de “seu compromisso com a biodiversidade e no âmbito da presidência do G7” e conversar sobre a questão indígena com o presidente Jair Bolsonaro na cúpula do G20, que acontecerá em junho.

** Com informações do G1 e do Terra