Fungos podem ajudar no combate à poluição por plásticos, diz ONU

(Foto: Freepik)

Os fungos têm potencia para quebrar resíduos de plástico e podem ajudar a combater a poluição, conclui novo estudo Kew Botanical Gardens, em parceria com a ONU Meio Ambiente.

Segundo o relatório “State of the World’s Fungi”, estes organismos podem degradar o plástico poliuretano em poucas semanas.

A cada ano, ao menos 8 milhões de toneladas métricas de plástico vão parar nos mares e oceanos, frequentemente se decompondo em pequenos microplásticos que terminam na nossa cadeia alimentar.

“Ao entender como os fungos quebram estas ligações e quais são as condições favoráveis, você pode então aumentar a velocidade com que eles fazem isso”, explica Ilia Leitch, cientista sênior do Kew Gardens.

Estima-se que existam até 3,8 milhões de espécies de fungos, mas apenas 144 mil foram catalogadas.

Em relação a agricultura, os fungos podem se transformar em segurança alimentar melhorada, sustentabilidade ambiental e aumento das receitas de produção.

Além de reciclar nutrientes e ajudar safras a crescerem com maior eficiência, os fungos são capazes de produzir antibióticos, imunossupressores e estatinas que bloqueiam a ação enzimática hepática produtora de colesterol.

** Com informações da ONU Brasil