Joe Biden promete pressionar Brasil para proteger o meio ambiente

(Foto: Reprodução Youtube)

O Brasil foi um dos temas discutidos no primeiro debate a presidência dos Estados Unidos. O democrata Joe Biden acusou Donald Trump de não usar a sua influência para ajudar a defender o meio ambiente.

“O Brasil, a floresta tropical do Brasil, está sendo demolida, está sendo destruída, mais carbono é absorvido naquela floresta tropical do que cada pedacinho de carbono que é emitido nos Estados Unidos”, disse.

Se eleito, Biden prometeu que tentará reunir outros países a conservar a natureza, inclusive com retaliação econômica, se o governo Bolsonaro continuar a permitir a destruição florestal. Ele apontou como medida a criação de um pacote de US$20 bilhões para combater a devastação na Amazônia.

Em março, Biden afirmou em entrevista à revista Americas Quartely que pretende liderar uma resposta global contra a devastação da floresta brasileira. “Eu estaria agora organizando o hemisfério (ocidental) e o mundo para fornecer US$ 20 bilhões para a Amazônia, para o Brasil não queimar mais a Amazônia, para que pudessem manter as florestas”.

Esta não é a primeira vez que a chapa de Joe Biden faz críticas ao governo brasileiro. Em agosto, a vice-presidente do candidato democrata, Kamala Harris, reagiu as imagens de uma área de mata em chamas.

“O presidente Bolsonaro precisa responder por essa devastação. Qualquer destruição afeta a nós todos”, disse. “Enquanto a Amazônia queima, o presidente tipo Trump do Brasil, que deixa madeireiros e mineradores destruírem a área, não está agindo. Trump não deve fechar acordo comercial com o Brasil até que Bolsonaro reverta suas políticas catastróficas e combata as queimadas. Precisamos da liderança americana para salvar o planeta”.