Novos acordos do clima terão que ser financiados, afirma Salles

(Foto: Reprodução/ Facebook)

O ministro do Meio Ambiente (MMA), Ricardo Salles, afirmou que dos US$100 bilhões prometidos a países em desenvolvimento por ações de enfrentamento ao aquecimento global, “apenas US$1 bilhão” foi disponibilizado ao Brasil.

“O que nós temos defendido é que novas medidas requerem a demonstração da compensação financeira decorrentes dessas ações que já estão em andamento”. pontuou.

Para ele, a prioridade é a “agenda de qualidade ambiental urbana”, que foca na melhoria do saneamento básico; no aprimoramento da qualidade do ar; no tratamento de lixo e resíduos; e o tratamento de áreas contaminadas.

Em relação ao licenciamento ambiental, o processo precisa ser “mais célere”, mas “com qualidade”.

** Com informações do G1