Óleo no Nordeste vem de três campos da Venezuela, diz Petrobras

(Foto: Instituto do Meio Ambiente/ Divulgação)

Estudos técnicos realizados pela Petrobrás constataram que o óleo que atinge o Nordeste tem origem em três campos específicos de exploração na Venezuela.

Segundo reportagem do Estado de S.Paulo, a Petrobras comparou a composição química do material recolhido nas praias com centenas de amostras de petróleo de todo o mundo, que a petroleira mantém em um centro de pesquisas no Rio de Janeiro. 

Porém isso não significa que o país vizinho tenha responsabilidade direta sobre o vazamento do óleo, já que o material pode ter sido colocado em um navio de qualquer origem.

Para a Marinha, a hipótese mais viável é de que o óleo tenha sido lançado no mar como resultado de uma operação criminosa de um “navio fantasma”. 

Equipamentos

O diretor de Assuntos Corporativos da Petrobras, Eberaldo Neto, disse que conter o óleo é como procurar agulha no palheiro e que a estatal não possui instrumentos preparados para conter a substância.

“Ainda não se definiu a origem do vazamento. A gente viu por satélite, fez sobrevoos e não pegamos esse óleo, pois ele vem pelo fundo (do mar). Fica praticamente impossível pegar esse óleo e segurar por barreira ou outros instrumentos que temos”, disse.

Segundo o diretor, a única maneira de combater a situação é esperar o produto chegar às praias para retirá-lo.

** Com informações do Estadão e do O Globo