Ondas de calor vão afetar a América do Sul, alerta OMS

(Foto: Pixabay)

Os países da América do Sul devem se preparar para os impactos das ondas de calor na região, inclusive na saúde dos cidadãos. O alerta foi feito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quinta-feira (26).

De acordo com a OMS, as ondas de calor podem reduzir a disponibilidade de água, aumentar o risco de incêndios florestais, prejudicar safras e interromper a energia elétrica.

A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) também alerta que as ondas de calor podem provocar mortes, sobretudo, pelo agravamento e doenças infecciosas ou crônicas – como cardiopulmonares, renais, endócrinas e psiquiátricas.