Raio mata mais de 300 renas na Noruega

(Foto: Norwegian Environment Agency/ Haavard Kjontvedt/ AFP)

Na última sexta-feira (26), 323 renas foram encontradas mortas por um guarda-florestal no parque nacional em Hardangervidda, na Noruega, após um raio atingir o local. Trata-se do maior acidente desse gênero no país.

Segundo o funcionário da Direção Norueguesa de Meio Ambiente, Kjartan Knutsen, “Os animais se reúnem quando o tempo fica ruim e estes foram atingidos por um raio. É algo incomum. Nunca antes havíamos visto algo similar em uma escala tão grande”, explicou.

De acordo com especialistas, existem aproximadamente 25 mil renas selvagens na região montanhosa da Noruega e atualmente, mais de 10 mil vivem em liberdade no parque nacional em Hardangervidda.

** Com informações da Folha de S.Paulo