Abrapa quer aumentar número de propriedades certificadas

(Foto: Pixabay)

O Brasil é o maior fornecedor global de algodão certificado com critérios de sustentabilidade e boas práticas, com 31% de participação no mercado.

Atualmente, a produção certificada está em 86%. A Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) espera ter, pelo menos 95%, até 2020.

Para ser uma propriedade certificada, o produtor precisa atender a 224 critérios sociais, ambientais e econômicos do Programa Algodão Brasileiro Responsável (ABR).

A Abrapa estima que as propriedades certificadas têm, em média, 7% mais de produtividade em relação às não certificadas. Na mesma comparação, a redução de custos é estimada em até 20%.

** Com informações do Globo Rural