Cresce busca de bioinsumos para reduzir custo e aumentar produção

agricultora cuidando da sua produção plantação
(Foto: Unsplash)

Boa parte dos produtores pequenos e médios está aderindo ao bioinsumos e organismos biológicos, para melhorar a fertilidade das plantas e reduzir os custos de produção.

Segundo a Embrapa, a área plantada com agrominerais é superior a 2 milhões de hectares. Apenas em Goiás, há registro de 250 mil hectares plantados.

Os bioinsumos se tornaram uma alternativa para os produtores que querem reduzir a dependência dos produtos químicos.

Apesar do aumento da demanda, a falta de bioinsumos disponíveis, de consultores e técnicos agrícolas especializados são as principais reclamações dos produtores. Cerca de 95% do cloreto de potássio, por exemplo, são importados.

Levantamento do Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária em Goiás (Ifag) aponta que fertilizantes e defensivos compõem praticamente metade dos custos de produção da soja convencional.

** Com informações do MAPA