Estudo aponta que área agrícola cresceu 44% no Brasil em 18 anos

(Foto: Pixabay)

A vegetação florestal do Brasil passou de 4,02 milhões de quilômetros quadrados (km²) para 3,71 milhões de km², uma redução de 7,6% entre 2000 a 2018, revelou o Monitoramento da Cobertura e Uso da Terra do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Entretanto, a área agrícola cresceu 44% no mesmo período e passou a responder por 7,6% do território nacional, o equivalente a 664,8 mil km², considerando a parte terrestre e marítima.

Em 18 anos, houve uma expansão de cerca de 27% nas áreas destinadas às pastagens com manejo, principalmente na área leste da Amazônia, de 45% da área agrícola e 70% da área de silvicultura.

Cerca de 20% das novas áreas agrícolas vieram da conversão de pastagens com manejo entre 2000 e 2012. A partir deste ano, o índice subiu para 53%.

De acordo com o IBGE, no período de 2016 a 2018, houve um pequeno crescimento de áreas de pastagem com manejo, devido à intensificação da conversão de outras terras, como Vegetação florestal e Vegetação campestre, em pastagens, associada ao processo de substituição das pastagens por áreas agrícolas.