Indústria brasileira de nutrição vegetal faturou R$7,6 bilhões em 2018

(Foto: Pixabay)

Levantamento da Associação Brasileira de Tecnologia em Nutrição Vegetal (Abisolo) constatou que o faturamento da indústria de nutrição vegetal aumentou 19,3% em 2018.

O segmento de fertilizante foliar representou 71% do total, seguido pelo organomineral com 12%; condicionadores de solo, com 10%; fertilizante orgânico, 4% e abstrato para plantas, 3% do total. Estima-se que foram comercializados 815,9 milhões de litros.

Segundo a Abisolo, o crescimento do segmento está relacionado a tecnologias que aliam os nutrientes minerais e compostos orgânicos.

A ideia de usar a matéria orgânica é potencializar a eficiência dos minerais, melhorar o aproveitamento desses nutrientes pelo solo e o rendimento da planta na lavoura.

A expectativa é que o segmento cresça 21% no faturamento neste ano.

** Com informações do Globo Rural