Amazon anuncia fundo para investir em projetos sustentáveis

Amazon Wind Farm Texas Launch - energia eólica
(Foto: Jordan Stead/ Amazon)

O CEO da Amazon Inc, Jeff Bezos, anunciou o lançamento do The Climate Pledge Fund, um fundo de capital de risco no valor de US$ 2 bilhões, apoiar o desenvolvimento de tecnologias e serviços sustentáveis.

Os recursos serão usados para impulsionar os investimentos em tecnologia em setores, como logística e transporte, energia, armazenamento, manufatura, materiais, alimentação e agricultura.

No ano passado, a Amazon e a Global Optimism fundaram o The Climate Pledge, um compromisso de atingir 10 anos mais cedo as metas do Acordo de Paris e neutralizar as emissões de carbono até 2040.

“O Climate Pledge Fund procurará investir nos empreendedores e inovadores visionários que estão construindo produtos e serviços para ajudar as empresas a reduzir seu impacto no carbono e operar de maneira mais sustentável”, disse Jeff Bezos. “Empresas de todo o mundo, de todos os tamanhos e estágios, serão consideradas, desde o início do pré-produto até empresas bem estabelecidas. Cada investimento em potencial será avaliado pelo seu potencial de acelerar o caminho para zero carbono e ajudar a proteger o planeta para as gerações futuras”.

A Amazon também anunciou que 100% da eletricidade usada pela empresa será de fontes renováveis em 2025, cinco anos do previsto, e a implementação de 91 projetos de energia renovável em todo o mundo. Juntos, esses projetos somam 2,900 MW de capacidade e mais de 7,6 milhões de Megawatt-hora (MWh), o suficiente para abastecer 680 mil casas nos Estados Unidos.

Desde 2015, a Amazon reduziu o peso das embalagens enviadas em 33% e eliminou mais de 880 mil toneladas de material de embalagem, o equivalente a 1,5 bilhão de caixas de remessa.

Em fevereiro, Bezos prometeu investir US$10 bilhões para financiar cientistas, ativistas, organizações sem fins lucrativos e “qualquer esforço que ofereça uma possibilidade real de ajudar a preservar e proteger” o meio ambiente.