Startups do Brasil recebem investimento recorde em 2019

Business People Handshake Greeting Deal at work.
(Foto: Freepik)

As startups brasileiras receberam US$2,7 bilhões em aportes, em 2019, um crescimento de 80% em relação ao ano anterior, que registrou US$ 1,5 bilhão. Os dados foram divulgados pela consultoria em inovação Distrito.

No ano passado, foram realizadas 260 rodadas de investimento. Apenas a participação do grupo japonês SoftBank movimentou cerca de US$1,3 bilhão, quase metade do volume registrado em 2019, por, pelo menos, nove aportes que incluem a Gympass e a Loggi.

O segmento de startups de serviços financeiros (fintechs) recebeu US$935 milhões em investimento, um aumento de 276%. Em 2018, as fintechs receberam US$ 338 milhões. Avaliado em US$ 10 bilhões, o Nubank recebeu US$ 400 milhões do total do aporte em 2019.

O cofundador da Distrito, Gustavo Gierun, avalia que o setor “vive uma revolução” e deve crescer próximos anos, com “novas regulações, como open banking, pagamentos instantâneos e cadastro positivo”.

O levantamento também mostra que 87 aportes foram realizados em capital semente, quando a startup ainda está em estágio inicial de desenvolvimento.