Bio Brazil Fair e Naturaltech consolidam posição de maior evento do mercado sustentável também no ambiente virtual

(Foto: Divulgação)

Na semana passada, a comunidade de produtos orgânicos e naturais deu mais uma mostra da sua união durante a primeira edição da Bio Brazil Fair | Biofach America Latina e Naturaltech Virtual, entre os dias 20 e 23 de outubro.

Numa plataforma simples e interativa, produtores, fabricantes, compradores, profissionais do setor, consumidores, jornalistas e influenciadores voltaram a se encontrar, depois de meses de isolamento social, num ambiente 100% online e seguro.

De um lado, mais de 100 marcas de alimentos, cosméticos e outros produtos orgânicos e naturais, suplementos alimentares, vegetarianos e veganos demonstraram 2.604 produtos.

De outro, quase 6 mil visitantes tiveram acesso a este universo. As diferentes áreas da plataforma registraram quase 200 mil visualizações, com destaque para a vitrine dos expositores, com 28.400.

A interatividade se deu por meio das 295 salas de bate-papo, além das mensagens diretas entre expositores e visitantes, que totalizaram mais de 4,8 mil.

Há mais de 15 anos a Bio Brazil Fair | Biofach America Latina e a Naturaltech Virtual conectam a comunidade de produtos orgânicos e naturais em torno de negócios, conhecimento e relacionamento.

Consolidadas como maior evento do mercado sustentável da América Latina agora também no ambiente virtual, as feiras vão estar de braços abertos para receber toda a comunidade de forma presencial e com segurança em 2021, de 9 a 12 de junho, no Anhembi, em São Paulo.

Conhecimento

Um dos pilares da Bio Brazil Fair | Biofach America Latina e Naturaltech Virtual, o conteúdo se estendeu por mais de 40 horas de uma programação incrível que promoveu o diálogo, a troca de experiências e a conexão de toda a comunidade em torno de assuntos que fazem a diferença na vida das empresas e das pessoas.

O destaque ficou para o Leaders’ Natural Food Summit, com painéis diários que contemplaram todos os elos da cadeia de produtos orgânicos e naturais –produção, indústria, varejo e a inovação liderada pelas foodtechs – representados por entidades e empresas como FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura), Instituto Brasil Orgânico, BTG Pactual, Grupo Associado de Agricultura Sustentável, BRF, Cooperativa CAISP, Korin, Carrefour Brasil, Boali, HortiFruti, Food Consulting, NotCo Brazil, Fazenda Futuro, Liv Up e FoodTech Movement.