Alemanha é país anfitrião da Biofach 2017

(Foto: Divulgação)

A BIOFACH representa o mercado global orgânico e oferece aos players da indústria uma plataforma incomparável que lhes permite se conectar, se inspirar na diversidade de produtos, habilidades inovadoras e senso de responsabilidade na indústria e moldar o futuro do mercado.

Toda edição da Biofach, um país é escolhido para ser o anfitrião da maior e mais importante feira mundial do setor de orgânico, para mostrar seus negócios e suas políticas publicas para o mercado Bio e servir de exemplo para moldar o futuro e fonte de inspiração para outros países.

A Alemanha, que é um dos maiores mercados de orgânicos e sustentáveis, é o país anfitrião desse ano. Vai ter muita festa… Petra Wolf, membro do conselho de administração da NürnbergMesse, afirmou: “Ao concentrar-se na Alemanha em 2017, a feira mundial estará focada num país que abriga muitos pioneiros na indústria, que suporta cadeias de valor locais e que também valoriza a rede de projetos orgânicos em todo o mundo – como o fomento de relações sustentáveis ​​de matéria-prima”.

A Federação Alemã da Indústria de Alimentos Orgânicos (BÖLW) e o Ministério Federal Alemã da Alimentação e Agricultura (BMEL) apresentaram o lema do país anfitrião: “Construindo um futuro orgânico! ”

A agricultura e a produção orgânicas têm uma longa tradição na Alemanha. As empresas de agricultura biológica, processamento e comércio varejista vêm desenvolvendo alimentos orgânicos há quase 100 anos – e o fizeram com um talento para o progresso e um sentido de responsabilidade para com a raça humana, o reino animal e o meio ambiente.

Todos os anos, mais agricultores estão decidindo que a agricultura orgânica tem perspectivas para o seu futuro. Ao todo, cerca de 1,1 milhão de hectares de terra estavam sendo cultivados por cerca de 24.700 fazendas orgânicas no final de 2015. Isso significa que a proporção de terras utilizadas para produtos orgânicos aumentou para 6.5%.