Mendoá apresenta chocolates sem glúten e lactose

(Foto: Divulgação)

Pela primeira vez na APAS, a principal marca de chocolate tropical premium do país, Mendoá Chocolates, levou a feira a linha Clássica e linha Brasilis, que levam ao consumidor os sabores tipicamente brasileiros.

Com variações de 50% a 99% de cacau, a linha Clássica apresenta nove sabores: café, castanha-do-pará, coco, clássico, nibs, nigro, pimenta, gengibre e diet. Enquanto a linha Brasilis é voltada para os sabores regionais, ou seja, os que provêm de terras brasileiras, como tapioca com coco, cupuaçu, maracujá e amendoim.

Segundo a representante comercial de São Paulo, Ana Maria Rios Magalhães, desde o seu início, a marca se preocupa tanto com a brasilidade do produto, quanto com o meio ambiente. “Desde o início da produção há uma preocupação com esta brasilidade, ou seja, materiais brasileiros que enriquecem o nosso produto, como a castanha-do-pará, o gengibre, a pimenta malagueta, a semente do café”, explicou.

A composição de ambas as linhas é rica em flavonóides, não possui glúten, conservantes, gordura animal e/ou hidrogenada, e lactose, já que o leite é substituído pela lecitina de soja para dar liga aos produtos, com exceção do chocolate ao leite.

“O chocolate é feito de uma maneira bem natural. Ele é composto basicamente por cacau, lecitina de soja e açúcar orgânico em pequena quantidade, então a proposta é oferecer aos consumidores um produto saudável e que também atenda a demanda de pessoas com restrições alimentares, como os diabéticos”, explicou Ana.

Com produção de mais de 80 toneladas de chocolate por ano, uma das premissas da Mendoá Chocolates é investir na sustentabilidade em seu processo de produção, totalmente realizado em uma única fazenda. Uma das medidas adotadas é a plantação de cacau sob a proteção de árvores remanescentes da Mata Atlântica para preservar o ecossistema nativo da região, sem desmatar.

Para mais informações, acesse: www.mendoachocolates.com.br