Mato Grosso do Sul ampliará polo de orgânicos

(Foto: Freepik)

A prefeitura de Campo Grande ampliará o Núcleo Agroecológico, chamado antes de Polo de Orgânicos, em 40 hectares. Segundo o secretário municipal, Luiz Fernando Buainain, o espaço poderá chegar a 40 lotes de produção de orgânicos e hortifrútis.

A ação pretende aumentar o apoio aos produtores em relação ao trabalho, à infraestrutura, educação, turismo, planejamento urbano, social e ambiental.

“Queremos fomentar a renda e a produção, trazendo, por meio de parceiros como a Embrapa, a Agraer, o Sebrae, o que há de melhor em tecnologia de produção, para que nós tenhamos uma boa qualidade no produto, com eficiência”, disse.

O projeto também prevê que uma parte dos alimentos produzidos pelos agricultores seja repassado para atender a merenda escolar.  Além de incentivar a recuperação de, aproximadamente, 12 hectares da Área de Preservação Permanente (APP).

Todos os novos produtores orgânicos passarão por um processo para cessão de uso, regularização e serão certificados.

** Com informações do Jornal Correio do Estado