Porto Alegre terá horta de orgânicos e venda por aplicativos

(Foto: Divulgação)

A Associação dos Dirigentes de Marketing e Vendas do Brasil (ADVB-RS) anunciou a construção da primeira horta urbana e orgânica, totalmente automatizada e rastreável de Porto Alegre (RS).

Chamado de Smart Local Farms, o projeto pretende construir um novo modelo alimentar na cidade. A horta terá uma área de 100 mil metros quadrados de concreto e 600 metros de estufas construída às margens do rio Guaíba. A previsão é que o local seja inaugurado em maio deste ano.

A agtech Elysios Agricultura Inteligente será a responsável pelo controle e gestão de toda a produção de alimentos e da rastreabilidade das culturas cultivadas, com a tecnologia de automação e softwares.

Segundo o CEO da Elysios, Frederico Brito, o tomate será o primeiro alimento a ser produzido. E em seguida, a agtech pretende plantar pimentão. A expectativa é cultivar também hortaliças folhosas.

Toda a água usada na produção será captada e reutilizada no sistema. Parte do local ainda será destinada a parceiros e colaboradores, para workshops, cursos e treinamentos de gestão da horta.

“Não é só uma horta urbana, mas uma ferramenta para gerar valor, aproveitar espaços não usados e gerar empregos”, disse Brito.