União Europeia prorroga uso de pesticidas a base de cobre na produção de orgânicos

(Foto: Pixabay)

A União Europeia (UE) estendeu por sete anos a autorização do uso de cobre, um dos poucos pesticidas autorizados em plantações orgânicas certificadas. A prorrogação passa a valer a partir de 31 de janeiro de 2019.

A prorrogação determina que os agricultores reduzam em quase um terço o limite atual para as plantações biológicas e a outras culturas.

O cobre é usado como fungicida, principalmente, na viticultura, que estuda a produção da uva para o consumo in natura. A Autoridade Europeia de Segurança Alimentar (EFSA, sigla em inglês) alerta que o uso de produtos à base de cobre pode contaminar o solo.

A Comissão Europeia considera a que a extensão do prazo “melhora a proteção do ambiente limitando as doses de aplicação, mantendo ao mesmo tempo um importante instrumento para a proteção das culturas”.

A EU também pediu à EFSA “para desenvolver uma metodologia mais apropriada para avaliar os riscos para o meio ambiente do cobre em vista da próxima renovação da autorização”.

** Com informações da AFP