Startup de biotecnologia vence prêmio de sustentabilidade

(Foto: Pixabay)

A startup de biotecnologia e soluções para preservação ambiental, Biosolvit, venceu o Virtual South Summit de Sustentabilidade, quarto encontro digital organizado pela South Summit e pela IE University.

A premiação avaliou mais de 180 soluções apresentadas, com foco, principalmente, em gestão de resíduos e reciclagem, impactos sociais, tecnologia verde e limpa e mobilidade urbana. Os jurados levaram em conta a inovação apresentada pelo produto, sua escalabilidade, a equipe de profissionais envolvida e a possibilidade de atração de investimentos.

A Biosolvit apresentou um projeto que permite proteger a flora e os oceanos, por meio de um absorvedor natural do petróleo e os seus derivados e do reaproveitamento do material coletado na água com enorme eficiência. Trata-se da única tecnologia no mundo que possibilita a reutilização de mais de 95% do óleo absorvido.

“Acreditamos que soluções inovadoras, provenientes de fontes renováveis, são capazes de minimizar os graves problemas ambientais. E a atual pandemia, enfrentada por todo o mundo, reforçou ainda mais a importância da sustentabilidade e do uso de tecnologias inovadoras nessa área”, disse Guilhermo Queiroz, CEO e fundador da Biosolvit.

Desde 2014, a Biosolvit atua com biotecnologia aplicada ao desenvolvimento de novos materiais, criando soluções ecológicas e sustentáveis para problemas ambientais, a partir de fontes renováveis. Utiliza biomassa descartada ou dejetos industriais para criar produtos que aliam sustentabilidade e viabilidade econômica.