177 toneladas de lixo foram recolhidas nos três dias de Rock in Rio

(Foto: Divulgação)

A empresa responsável pela limpeza do Rock in Rio, a Comlurb, recolheu 177 toneladas de lixo durante os três primeiros dias do festival.

Do total, 143,5 toneladas serão destinadas a Estação de Transferência Do Caju, que transformará o lixo em composto orgânico e em energia. O restante será entregue às cooperativas de catadores.

Segundo a empresa, a meta é que todo o lixo coletado no festival não seja enviado para aterros sanitários.

Agentes de fiscalização do programa Lixo Zero autuaram 106 pessoas na área externa do Rock in Rio. Destes 85 foram por descarte irregular de lixo e 21 por urinarem nas vias públicas.

Desde 2008, o festival adota um plano de gestão de resíduos sólidos que se baseia nos três pilares de sustentabilidade. A iniciativa prevê a reutilização de materiais, redução na quantidade de resíduos encaminhados para aterros, produção de composto orgânico para uso em projetos de reflorestamento e o aumento da taxa de reciclagem.

As ações especiais do festival já enviaram mais de 1.500 toneladas de resíduos para reciclagem ou valorização, o equivalente a cerca de 70% dos resíduos produzidos.

** Com informações do G1