Carona no reflorestamento da Amazônia

Marketing, dizem, é tudo. Depois de estampar publicidade nas camisas dos grandes times de futebol e gastar muito dinheiro em propaganda, a 99Taxis fez uma parceria com o Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (Idesam) para usar o aplicativo e colaborar com a redução de emissões de gás carbônico neutralizadas, que vem da queima dos combustíveis dos automóveis.

Cerca de 700 empresas que utilizam o sistema  farão parte do projeto inicialmente, mas isso não sai do bolso deles.  Ao final da corrida, o valor tem um acréscimo de 6 centavos por quilometro rodado. A empresa repassa esses centavos adicionados ao Idesam.

O instituto vai calcular quantas árvores são necessárias para neutralizar os gases de efeito estufa causada pela queima do combustível do táxi, cuidará do plantio e manutenção das mudas nativas da Amazônia e plantadas na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Uatumã, uma unidade de conservação no Amazonas. Cerca de 250 famílias  serão beneficiadas pelo plantio, conforme publicado na revista Época, pela repórter Thaís Herrero.  O aplicativo está disponível em 300 municípios brasileiros.