Nove em cada 10 crianças estão expostas à poluição do ar no mundo

(Foto: UNICEF/ Mungunkhishig Batbaatar)

O ar está tão poluído que afeta o desenvolvimento cerebral de nove em cada dez crianças no mundo em risco, alerta novo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgado nesta segunda-feira (29), às vésperas da primeira Conferência Global sobre Poluição do Ar e Saúde.

A OMS estima que 600 mil crianças tenham morrido de infecções respiratórias agudas causadas pela poluição do ar em 2016.

O relatório também indica que mulheres grávidas têm maior probabilidade de parto prematuro quando expostas ao ar poluído e os bebês tendem a estar abaixo do peso. Além disso, a poluição do ar também pode provocar asma e câncer infantil, prejudicando seu desenvolvimento neurológico.

Uma razão para crianças serem especialmente vulneráveis à poluição do ar é o fato de respiraram mais rapidamente que adultos, absorvendo mais toxinas, segundo a OMS.

** Com informações da ONU Brasil