Aromas para produtos orgânicos deverão ser certificados nos EUA

(Foto: Pixabay)

Entrou em vigor, nos Estados Unidos (EUA), uma regra que exige sejam certificados de aromas e sabores orgânicos, quando disponíveis para uso comercialmente.

A medida faz parte do Programa Orgânico Nacional (NOP, sigla em inglês) do Departamento de Agricultura norte-americano. A intenção é estimular o crescimento contínuo do segmento e regulamentar a utilização de sabores orgânicos.

Além de estimular as empresas a iniciarem um processo de pesquisa e avaliação, junto com os seus certificadores, para determinar quais sabores orgânicos estão disponíveis comercialmente.

Os sabores naturais foram incluídos na Lista Nacional dos Estados Unidos em 2002. Atualmente, não há orientação formal do Programa Orgânico Nacional sobre a pesquisa comercial e o uso de sabores naturais e orgânicos para produtos certificados pelo NOP.

A CEO e diretora executiva da Organic Trade Association (OTA), Laura Batcha, avalia a medida como positiva para a regulamentação do mercado. Para ela, “o suprimento de aromas orgânicos cresceu para um tamanho em que não é mais apropriado permitir o uso de sabores naturais não orgânicos em produtos orgânicos certificados”.

A Organic Trade Association desenvolveu um guia prático para atender aos novos requisitos de sabores, para seus membros e outros do setor, que reflete as recomendações do Conselho Nacional de Padrões Orgânicos sobre pesquisas de disponibilidade comercial de ingredientes. Se quiser conhecer esse Guia. Clique aqui.

** Com informações da OTA