Bolsonaro cria Conselho e Força Nacional da Amazônia

(Foto: Pixabay)

O presidente Jair Bolsonaro anunciou a criação do Conselho da Amazônia e de uma Força Nacional Ambiental para proteger o meio ambiente e a Amazônia.

A iniciativa coordenará “as diversas ações em cada ministério voltadas para a proteção, a defesa e desenvolvimento sustentável da Amazônia”.

“Determinei a criação do Conselho da Amazônia, a ser coordenado pelo vice-presidente Mourão, utilizando sua própria estrutura (…) Dentre outras medidas determinadas está também a criação de uma Força Nacional Ambiental, à semelhança da Força Nacional de Segurança Pública, voltada à proteção do meio ambiente da Amazônia”, escreveu em uma rede social.

A Força Natural atua a pedido de governadores ou em casos pontuais e costuma ser utilizada em ações de policiamento ostensivo, de combate a crimes ambientais, bloqueios em rodovias, ações de defesa civil em caso de desastres e catástrofes e ações de polícia judiciária.

Bolsonaro não informou o custo para a criação da Força Nacional.

A política ambiental se tornou foco de atritos no primeiro ano de governo, principalmente, a preservação da floresta Amazônica. Em agosto, o uso das Forças Armadas foi o autorizado pelo governo para ajudar no combate às queimadas na Amazônia.